Vereadores aprovam indicações para que prefeitura municipal auxilie na segurança pública.

O aumento da violência no Brasil e no mundo não tem passado despercebido por nossas autoridades, pelo menos não em nosso município, no qual ao longo dos primeiros meses de 2017, o assunto foi alvo de pelo menos 21 proposições relacionadas direta ou indiretamente com o assunto.

Entre os temas abordados, estão iluminação pública (14 indicações), reforma e implantação de delegacias e postos policiais, (4 indicações), e adoção de medidas complementares de segurança, como biombos em bancos (1 projeto de lei), câmeras de segurança em pontos estratégicos e criação de uma Guarda Municipal (2 indicações).

Autor de uma das indicações, solicitando a instalação de Câmeras de monitoramento em pontos estratégicos, o vereador Romali Pairana, escreveu em sua justificativa que embora a Segurança Pública seja uma atribuição do Estado, “o avanço da violência em nosso município, exige de qualquer esfera governamental a tomada de medidas com o objetivo de colaborar com a segurança comum”.

Após aprovadas em plenário, as indicações seguem para o executivo municipal para que sejam tomadas as providências de acordo com a realidade do município.


Comentários


Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!
Você precisa estar logado para comentar!