Em 4 meses, Indicações e Requerimentos na área de Infraestrutura são maioria na Câmara

Indicações e Requerimentos são ferramentas do poder legislativo, aprovadas pelo Plenário ou pela Mesa Diretora, que possuem como objetivo sugerir ou requerer que algum órgão tome providências que lhe sejam próprias sobre temas variados.


Faltando apenas uma sessão para finalizar os 4 primeiros meses de 2017, já foram aprovadas por esta casa 143 Indicações, todas ao Executivo Municipal e 11 requerimentos para órgãos variados. Entre os temas mais abordados estão Infraestrutura, Trânsito, Esporte e Lazer.


Ao todo são 46 Indicações de ações na área de infraestrutura como patrolamento de ruas, construção de pontes e saneamento básico, por exemplo. Ações relacionadas a esporte e lazer, como construção e reforma de estádios, quadras esportivas e praças estão em segundo lugar, com 29 indicações, seguidas de ações diretamente relacionadas a trânsito como faixas de pedestres e calçamento, aparecem em terceiro lugar, com 26 indicações.


Os temas Educação e saúde somam 22 indicações. Também foram indicadas ações em áreas como segurança, turismo, portos, feiras e habitação.  


Somando-se os requerimentos e projetos de Lei que tramitam ou tramitaram este ano pela casa, ao todo foram 166 ações do legislativo, entre os vereadores mais propositivos, o vereador Josué Sampaio destaca-se com 24 proposições, sendo 01 projeto de lei, 03 requerimentos e 20 indicações ao todo. Seguido dos vereadores Romali Pairana, com 20 proposições e do vereador Cláudio Alexandre (Xêpa), com 16 proposições.


Comentários


Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!
Você precisa estar logado para comentar!